expand/collapse risk warning

CFDs apresentam um elevado risco de perda rápida de capital devido à alavancagem. 71% das contas perdem dinheiro ao operar CFDs com este fornecedor. Compreenda os CFDs e avalie o seu risco.

Os CFDs são instrumentos complexos e apresentam um alto risco de perda rápida de dinheiro devido à alavancagem. 71% das contas de investidores de varejo perdem dinheiro ao negociar CFDs com este fornecedor. Você deve levar em conta sua compreensão de como funcionam os CFDs e se pode correr o alto risco de perder seu dinheiro.

71% of retail investor accounts lose money when trading CFDs with this provider.

Trading Terms

EBIT: como usá-lo para medir o desempenho dos negócios

Homem de terno analisando dados do mercado de ações em uma tela, exibindo o EBIT.

Administrar um negócio de sucesso não é tarefa fácil. Um dos principais desafios que os empreendedores enfrentam é avaliar a saúde financeira de sua empresa. Existem diversas métricas que podem ser usadas para avaliar o desempenho, mas uma que se destaca é a  EBIT - Lucro antes de juros e impostos. Esta é uma ferramenta poderosa que pode fornecer informações valiosas sobre a lucratividade e a estabilidade financeira de uma empresa. Ao compreendê-lo e como utilizá-lo, os empreendedores podem tomar decisões mais informadas, analisar tendências e otimizar as suas operações para maximizar os lucros. Então, vamos mergulhar no mundo do EBIT e descobrir como ele pode ser usado para medir o desempenho dos negócios.

O que é EBIT?

Em termos simples, o EBIT (Lucro antes dos juros e impostos) é uma medida de quanto dinheiro uma empresa gera a partir das suas operações principais, antes de ter em conta os custos dos juros dos empréstimos e do imposto sobre o rendimento. Ao concentrar-se exclusivamente no resultado operacional de uma empresa, o EBIT ajuda a isolar os efeitos das decisões de financiamento e das políticas fiscais, proporcionando uma imagem mais precisa da sua rentabilidade.

Como calcular o EBIT

Para calcular o EBIT, podemos usar uma das duas fórmulas abaixo:

how-to-calculate-ebit-formular-1-pt.png

Ou

how-to-calculate-ebit-formular-2-pt.png

Vamos analisar cada uma dessas fórmulas:

EBIT = Receita - CPV - Despesas Operacionais:

Nesta fórmula, calculamos o EBIT subtraindo o custo dos produtos vendidos (CPV) e as despesas operacionais da receita. CPV é o custo direto de produção de bens ou serviços, enquanto as despesas operacionais incluem custos como salários, aluguel, serviços públicos, marketing e despesas administrativas.

Por exemplo, se a receita de uma empresa for de US$ 10 milhões, o CPV for de US$ 4 milhões e as despesas operacionais forem de US$ 2 milhões, podemos calcular o EBIT da seguinte forma:

EBIT = US$ 10 milhões - US$ 4 milhões - US$ 2 milhões = US$ 4 milhões

EBIT = Lucro Líquido + Juros + Impostos:

Nesta fórmula, calculamos o EBIT adicionando os juros e impostos ao lucro líquido. O lucro líquido é o lucro total que uma empresa obtém após todas as despesas, incluindo juros e impostos, serem deduzidas de sua receita.

Por exemplo, se o lucro líquido de uma empresa for de US$ 5 milhões, ela pagou US$ 1 milhão em impostos e US$ 2 milhões em juros, podemos calcular o EBIT da seguinte forma:

EBIT = $ 5 milhões + $ 1 milhão + $ 2 milhões = $ 8 milhões

EBIT versus EBITDA

Tanto EBIT (lucro antes de juros e impostos) quanto EBITDA (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização ) pode ser usado para avaliar a lucratividade de uma empresa. No entanto, embora ambos forneçam informações sobre a rentabilidade operacional de uma empresa, existem diferenças importantes entre os dois. Aqui está uma tabela para melhor diferenciá-los:

EBIT EBITDA
Diferenças O EBIT mede o lucro de uma empresa antes de juros e impostos, o que significa que leva em consideração o lucro operacional gerado pelas atividades comerciais principais de uma empresa. É calculado subtraindo as despesas operacionais e o custo dos produtos vendidos da receita. Também é conhecido como lucro operacional. O EBITDA, por outro lado, é calculado adicionando ao EBIT despesas não monetárias, como depreciação e amortização. Isso fornece uma medida dos lucros de uma empresa antes que essas despesas sejam levadas em consideração. É frequentemente usado para avaliar a saúde financeira de uma empresa em setores onde as despesas de capital são altas.
Como usar O EBIT pode ser utilizado para avaliar a eficiência operacional de uma empresa, pois leva em consideração as despesas operacionais e o custo dos produtos vendidos. O EBITDA pode ser usado para avaliar a saúde financeira de uma empresa, especialmente em setores de capital intensivo, como os de manufatura.
Prós e contras A vantagem de usar o EBIT é que ele fornece uma medida simples e fácil de entender da lucratividade operacional de uma empresa. É também uma métrica útil ao comparar a rentabilidade de empresas do mesmo setor. No entanto, não leva em consideração despesas não monetárias, como depreciação e amortização, que podem ser significativas em alguns setores. A vantagem de usar o EBITDA é que ele fornece uma medida mais abrangente da lucratividade de uma empresa, adicionando despesas não monetárias. É particularmente útil ao comparar a saúde financeira de empresas em indústrias de capital intensivo. No entanto, não leva em consideração alterações no capital de giro, pagamentos de juros ou impostos, que podem impactar o fluxo de caixa e a lucratividade de uma empresa.
Experimente a plataforma premiada da Skilling
Experimente qualquer uma das plataformas de negociação da Skilling no dispositivo de sua escolha na web, Android ou iOS.
Inscrever-se

Por que o EBIT é importante para os traders?

  1. O EBIT é uma métrica importante para traders porque fornece uma medida da lucratividade de uma empresa a partir de suas principais operações comerciais, sem o impacto de despesas com juros e impostos. Ao analisar o EBIT de uma empresa, os traders podem avaliar a eficiência com que uma empresa está a gerar lucros a partir das suas atividades comerciais principais, o que pode ser útil na tomada de decisões de investimento.
  2. Os traders usam-no como uma métrica chave ao avaliar a saúde financeira e a rentabilidade de uma empresa. Ao comparar o EBIT de uma empresa ao longo do tempo, os traders podem avaliar se a rentabilidade da empresa está a melhorar ou a diminuir. Também podem utilizá-lo para comparar a rentabilidade de empresas do mesmo setor, o que pode ser útil para identificar quais empresas têm um bom desempenho e quais podem estar em dificuldades.
  3. É frequentemente usado em indices financeiros, como o índice EBIT/vendas, que mede a capacidade de uma empresa de gerar lucros a partir de suas receitas de vendas. Este rácio é frequentemente utilizado por traders para comparar a rentabilidade de empresas do mesmo setor e pode fornecer informações sobre a eficiência operacional de uma empresa.

Qual é a conexão entre EBT, EBIT, EBITA, EBITDA?

EBT, EBIT, EBITA e EBITDA são todas métricas financeiras que fornecem informações sobre a situação econômica, lucratividade e eficiência de uma empresa. Ao excluir determinadas despesas, estas métricas permitem comparações entre países e fornecem uma imagem mais clara do desempenho financeiro de uma empresa.

Imagine uma pirâmide, onde a base é o EBT (Earnings Before Taxes), que é o lucro antes da dedução dos impostos. O EBIT (Lucro antes dos juros e impostos) é o próximo nível, onde as despesas com juros também são deduzidas do EBT. Isso dá uma imagem mais clara da lucratividade de uma empresa, excluindo as despesas com juros.

Subindo na pirâmide, temos o EBITA (Lucro antes dos juros, impostos e amortização), que exclui a amortização de ativos intangíveis como como patentes ou marcas registradas. Esta métrica proporciona ainda mais clareza sobre o desempenho financeiro de uma empresa, excluindo certas despesas não monetárias.

Por fim, no topo da pirâmide, temos o EBITDA (Lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização), que é a métrica mais abrangente. O EBITDA exclui despesas com juros, impostos, depreciação de ativos tangíveis, como edifícios ou equipamentos, e amortização de ativos intangíveis. Essa métrica fornece a imagem mais clara da lucratividade de uma empresa em suas operações principais.

Conclusão

Se você é investidor, sabe que analisar a saúde financeira de uma empresa é essencial antes de investir o seu suado dinheiro. E quando se trata de medir o desempenho de uma empresa, o EBIT é uma métrica fundamental que você não pode ignorar. Ao incorporar esta métrica financeira na sua análise, você pode tomar decisões de investimento mais informadas e potencialmente melhorar seus retornos.

Não é um conselho de investimento. Desempenho passado não garante ou prevê desempenho futuro.

Experimente a plataforma premiada da Skilling
Experimente qualquer uma das plataformas de negociação da Skilling no dispositivo de sua escolha na web, Android ou iOS.
Inscrever-se